quarta-feira, 18 de abril de 2018

TODOS AO TEATRO



segunda-feira, 16 de abril de 2018

XXVII GALA INTERNACIONAL DE ACORDEÃO

















Com entusiasmo e muita qualidade, assistimos no passado Sábado, a um excelente espectáculo musical com 6 extraordinários acordeonistas, num cenário, onde os festejos do 50.º Aniversário da Festa da Pinha (2 de Maio), da era moderna, estava patente.

Público atento e conhecedor, não regateou aplausos merecidos, quando na 1ª parte e por esta ordem, os “Artistas” executaram os seus 3, 4 temas selecionados. Abriu o excelente comunicador e executante Rodrigo Maurício, vindo da Lourinhã, senhor de um vasto e riquíssimo “Curriculum”, que o apresentador de serviço a todos leu. Amigo predilecto de muitos dos presentes, “apaixonado por Estoi” e a majestosa “escadaria” da nossa Igreja Matriz, onde adorava poder actuar um dia!.. Sublime e inesquecível actuação.

Seguidamente o mentor e responsável pelas Galas Internacionais de Acordeão, no Algarve e Baixo Alentejo, Director do Museu do Acordeão em Paderne, visitado por mais de 75.000 pessoas. Homem simples, directo e frontal, deu seguimento às exibições de todos eles, convidando na última música o Rodrigo Maurício para uma dupla de respeito. Aplaudido deu a vez ao mais jovem acordeonista, 17 anos, algarvio de Lagoa, campeão do Mundo na categoria Junior Varieté, Luís Mira. Uma simpatia, um sorriso tímido, mas muita qualidade e segurança a tocar. Os saudosos, João Barra Bexiga (Bordeira) e João César (Portimão), por ele foram recordados na excelente música que nos deixaram. Um futuro bem risonho se perspectiva!..

Após um intervalo, onde as nossas meninas mais jovens, Matilde e Catarina, se deliciaram a vender “Rifas”, com muitos prémios (lenços da Pinha) e um jantar para 2 pessoas no Restaurante “O Visconde”, gentil oferta da Pousada do Palácio de Estoi, retomou-se o desfilar dos outros 3 Artistas e por esta ordem: Mario D´Amario, campeão do mundo por Itália, irradiando simpatia e destreza nos temas executados. Talvez o acordeonista com música clássica mais burilada e de maior dificuldade em transmitir o muito do seu saber. Aplaudido como os demais, deixou um rasto de simpatia e muita qualidade. Seguiu-se um homem da casa! O Jorge Alves, jovem de 27 anos mas já com enorme “Curriculum” artístico, que demos a conhecer, como ele tanto gosta. Exímio no acordeão que trata como uma extensão do seu corpo, fados bem conhecidos e corridinhos são por ele tocados maravilhosamente e sempre comunicativo e sorridente. Auguramos-lhe um futuro ainda de maior destaque, tal a evolução que vimos sentido neste Professor de 3 Escolas de Música. Ele dá brilho à Charola amiga e vizinha da Casa do Povo da Conceição de Faro e não se sente menorizado de o fazer!

Finalmente, para terminar em beleza, a presença do acordeonista francês Jeremy Lafón, outro campeão do mundo, um misto de grande acordeonista e grande homem do teatro, da comunicação, que sabe levar o público ao riso e ao sorriso constante pela forma como se apresenta. O papel A4 que retirou do bolso, para nos ler, primeiramente – Obrigadô e pouco depois – Muito obrigadô, caíu e surtiu efeito na plateia, que aplaudiu os vastos conhecimentos da nossa língua de Camões! O número final, com a comédia intermédia que fez e o erguer o acordeão por cima da cabeça e tocá-lo com mestria, revelou as suas enormes capacidades. Todos aplaudiram, de pé, a presença conjunta, que terminaram em grande, uma bem tocada e ritmada “Tia Anica de Loulé”.

Chamados ao palco o Sr. Presidente do Município farense, Dr. Rogério Bacalhau, a Sr.ª Professora Guiomar Paulo, Secretária da União de Freguesias, o excelente casal “Dorinhas” e Valério Pires, António e Natália Serôdio José Pedro Soares, Rui Santos e António Pontes, membros do “Staff” da ACAEstoiense responsável pela Organização da Gala, que, para lá das sorridentes “almocreves” Matilde e Catarina, entregaram aos músicos sacos com lembranças do Algarve, oferecidos pela Direcção Regional de Cultura.

A necessidade de se deslocarem para Monte Gordo, onde actuariam nessa noite no Casino, não lhes permitiu exibir, como prometido, o Hino da Festa da Pinha, de autoria de Fernando Inês (letra e música).

De salientar ainda, que na entrada de cada músico, as nossas jovens Matilde e Catarina, ladeando os acordeonistas chamados, proferiam graciosamente o nome de cada executante, tremulando a bandeira do respectivo país, num gesto que caíu bem entre todos.

O lançamento do livro de poesia “Pela Terra e Pelo Mar” do poeta Bordeirense Ricardino Bexiga, por nós foi apadrinhado, com muito gosto e simpatia o dizemos e registamos.

Julgamos e salientamos, que a hora marcada para a realização deste sarau cultural, 15:30, foi inibidora de uma maior presença de público, que, pela excelência das actuações, merecia uma sala “a rebentar pelas costuras”, como sói dizer-se. Fica no entanto a certeza de termos oferecido a Estoi, residentes e forasteiros, um espectáculo de Qualidade.

Estoi, 16 de Abril de 2018
(J. Aleixo)

quinta-feira, 29 de março de 2018

TRAIL OSSONOBA


sexta-feira, 23 de março de 2018

EMIGRAÇÃO PORTUGUESA PARA A ARGENTINA



Tenho o prazer de partilhar a notícia da publicação do meu livro sobre a emigração portuguesa para a Argentina (com particular relevo para os movimentos migratórios do Algarve) em português.

Como referi na nossa conversa anterior por email, este livro foi originalmente publicado em inglês, em 2009. O livro foi publicado o mês passado a versão portuguesa com o título Correntes de Ouro, publicada pela Imprensa de Ciências Sociais, em Lisboa.

Continuo a trabalhar no projecto de cartas e fotografias de imigrantes e famílias de emigrantes. 

Espero que, no futuro, possa ser publicado também em forma de livro.

Aqui está a informação do livro Correntes de Ouro »»»

Com os melhores cumprimentos

Marcelo Borges

quarta-feira, 21 de março de 2018

XVII GALA INTERNACIONAL DE ACORDEÃO


A Associação Charola Amizade Estoiense, dá conhecimento aos Estoienses e público em geral, a próxima realização da:

 XXVII Gala Internacional de Acordeão, a realizar Sábado, 14 de Abril, pelas 15,30 horas, no Cinema Ossónoba de Estoi.

É para todos nós uma honra, ter sido convidados pela Organização do certame, para receber a presença de 3 ex-campeões do mundo:

  • Mário D´Amario (Itália)
  • Jeremy Lafon (França)
  • Luís Mira, de apenas 17 anos de idade (Portugal)
E ainda os já consagrados:
  • Rodrigo Maurício (Portugal)
  • Jorge Alves (Portugal)
  • Francisco Sabóia (Portugal)


Pelo Algarve e Baixo Alentejo, de 5 a 22 de Abril, o acordeão de qualidade empolgará as salas de Auditórios, Salões, Centros Culturais, Cinemas ou Casinos, em 17 espectáculos imperdíveis, únicos, empolgantes!

Por outro lado, dada a proximidade da nossa tradicional Romaria popular, a Festa da Pinha, que este ano festejará o 50.º aniversário da era moderna (1968/2018), a nossa homenagem aos “almocreves” e “romeiros” de todos os tempos, que ali, no Cinema Ossónoba será feita e destacada.

No cartaz, a ACAEstoiense agradece, reconhecidamente, a colaboração institucional das Entidades nele expressas e muito em especial aos 20 Patrocinadores, a esmagadora maioria Empresas Estoienses, que de uma forma solidária, amiga e fraterna, colaboram connosco e com as demais Associações da aldeia e Freguesia. Obrigado!

Para o sucesso pleno e total da iniciativa, importa encher o salão do nosso Cinema Ossónoba, com capacidade para 200 pessoas sentadas, sendo que os bilhetes de ingresso, se distribuem por três modalidades de preço, permitindo aceder ao mesmo, quer aos mais endinheirados, quer às famílias mais modestas.

Reserve já o seu ingresso nos locais no cartaz assinalado! Creia que lhe estamos oferecendo um espectáculo de Qualidade superior!

Obrigado pela confiança

O Presidente da Direcção,
J. Aleixo